Ir para conteúdo
«
»
Jorah Little-Wall

O gerenciamento de drivers no Windows 10 poderia ser simplificado?

Mensagem Recomendada

Olá. 
Tenho lido algumas reclamações de usuários que estão enfrentando problemas com a instalação de drivers no Windows... E decidi expor um pouco da minha opinião. Pelo maior fluxo, entendi que esta área seria a melhor para abordar este tópico. 

Bem, particularmente, considero ruim a forma como o Windows "empurra" o download e a instalação - automáticos - de drivers não críticos. Não há problema em querer oferecer a melhor experiência possível aos usuários, mas isso é diferente de ser inconveniente. Por que desde o primeiro momento é tão difícil desativar a instalação automática de drivers, como os de som e vídeo, quase que impossibilitando que usuários comuns possam resolver alguns problemas simples? Uma coisa tão importante... Com certeza existem configurações mais insignificantes para as quais é dada uma enorme atenção. 
Nas edições do Windows aonde o Editor de Política de Grupo está nativamente habilitado, há algumas definições disponíveis que abordam justamente o download e a instalação de drivers, bem como outras mais drásticas, mas estão distribuídas em pastas distintas... Nada intuitivo. Outra coisa é que, os downloads são provenientes do Windows Update, sim; mas tanto ele quanto o Gerenciador de Dispositivos, atuam na busca e instalação de drivers, e de modos diferentes - o que confunde alguns. Além disso, possíveis soluções como utilizar o Gerenciador de Dispositivos para reverter um driver, até o presente momento, não o desinstala do sistema operacional - posteriormente, impossibilitando uma instalação limpa manual que pode resolver problemas persistentes. E, caso a desinstalação do driver seja feita através do Painel de Controle, bem como do Gerenciador de Dispositivos, mais cedo ou mais tarde, o Windows irá reinstalá-lo automaticamente (geralmente a mesma versão, o mesmíssimo driver). 
Apesar de desaprovar algumas, ninguém vive constantemente reclamando por não poder utilizar seu dispositivo devido às atualizações automáticas fornecidas pela Microsoft... Os casos em que uma intervenção direta é necessária, são minoria. No entanto, o fato é que, por conveniência, algo poderia ser feito a respeito. Deveríamos ter um "fácil" controle, ainda maior; visto que o Windows é uma grande ferramenta capaz de atender de desconhecedores a especialistas. 

E vocês? Acreditam que é um equívoco pensar assim (e "muita discussão"), ou que a Microsoft realmente precisa rever isso?...👍


 

 

Signature - Safe.jpg

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
15 horas atrás, Jorah Little-Wall disse:

Bem, particularmente, considero ruim a forma como o Windows "empurra" o download e a instalação - automáticos - de drivers não críticos. Não há problema em querer oferecer a melhor experiência possível aos usuários, mas isso é diferente de ser inconveniente.

Isso é necessário pois se o driver (crítico ou não) atual tiver alguma falha de vulnerabilidade, a Microsoft consegue atualizá-lo sem necessidade que o usuário faça isso..

15 horas atrás, Jorah Little-Wall disse:

Por que desde o primeiro momento é tão difícil desativar a instalação automática de drivers, como os de som e vídeo, quase que impossibilitando que usuários comuns possam resolver alguns problemas simples?

Os drivers provenientes do Windows Update são testados e aprovados para uso pela própria Microsoft, e por isso 99,999% das vezes não há nenhum problema na atualização. Depender do usuário para fazer isso seria desnecessário e até arriscado - vide o caso da GeForce 196.75 que queimava placas de vídeo e que eu abordei nos meus vídeos sobre drivers..

15 horas atrás, Jorah Little-Wall disse:

Nas edições do Windows aonde o Editor de Política de Grupo está nativamente habilitado, há algumas definições disponíveis que abordam justamente o download e a instalação de drivers, bem como outras mais drásticas, mas estão distribuídas em pastas distintas... Nada intuitivo. 

O Editor de Política de Grupo é um caos mesmo e dou nota zero em usabilidade para ele - mesmo que ele funcione perfeitamente :) 

15 horas atrás, Jorah Little-Wall disse:

Outra coisa é que, os downloads são provenientes do Windows Update, sim; mas tanto ele quanto o Gerenciador de Dispositivos, atuam na busca e instalação de drivers, e de modos diferentes - o que confunde alguns

 Eu não vejo confusão alguma, pois o Windows Update faz atualização automática, enquanto o Gerenciador de Dispositivos faz atualização manual. São funcionalidades diferentes para cenários diferentes.

15 horas atrás, Jorah Little-Wall disse:

Além disso, possíveis soluções como utilizar o Gerenciador de Dispositivos para reverter um driver, até o presente momento, não o desinstala do sistema operacional - posteriormente, impossibilitando uma instalação limpa manual que pode resolver problemas persistentes

O Gerenciador de Dispositivos apenas gerencia os drivers, permitindo instalar, desinstalar, ativar ou desativá-los - mas ele não remove-os fisicamente do disco rígido. Se você quer remover todos os drivers antigos, existem aplicativos para isso (inclusive eu abordo isso no meu artigo) ou você deve utilizar o Fresh Start que foi criado para fazer uma reinstalação limpa do Windows..

15 horas atrás, Jorah Little-Wall disse:

E, caso a desinstalação do driver seja feita através do Painel de Controle, bem como do Gerenciador de Dispositivos, mais cedo ou mais tarde, o Windows irá reinstalá-lo automaticamente (geralmente a mesma versão, o mesmíssimo driver). 

A desinstalação de drivers jamais deve ser feita através do Painel de Controle, pois ali estão apenas programas e aplicativos, embora isso seja relativamente comum com a NVIDIA, Realtek e outras empresas. A desinstalação de um driver via Gerenciador de Dispositivos, por outro lado, impede que o Windows Update instale automaticamente esse driver novamente. 

15 horas atrás, Jorah Little-Wall disse:

No entanto, o fato é que, por conveniência, algo poderia ser feito a respeito. Deveríamos ter um "fácil" controle, ainda maior

Eu discordo radicalmente pois dessa maneira nós voltaríamos à época catastrófica do Windows XP - aonde drivers eram instalados por qualquer um e geravam sérios problemas de estabilidade. Driver não é brinquedo e eles raramente precisam de uma atenção especial - mas os usuários não sabem disso ;)


[]s
 
Aurélio “Baboo”
assinatura-baboopro.png

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
Postado (editado)

@Baboo, agradeço pelas considerações...🙂 

2 horas atrás, Baboo disse:

Isso é necessário pois se o driver (crítico ou não) atual tiver alguma falha de vulnerabilidade, a Microsoft consegue atualizá-lo sem necessidade que o usuário faça isso.. 

Os drivers provenientes do Windows Update são testados e aprovados para uso pela própria Microsoft, e por isso 99,999% das vezes não há nenhum problema na atualização. Depender do usuário para fazer isso seria desnecessário e até arriscado - vide o caso da GeForce 196.75 que queimava placas de vídeo e que eu abordei nos meus vídeos sobre drivers.. 

Eu concordo com você, a instalação automática - não só de drivers - em muitos cenários, veio para ajudar. Apenas a forma como isso acontece... poderia ser diferente. Quando digo que o Windows "empurra", estou querendo dizer que ele força o download e a instalação dos drivers, e ele faz isso para todos. Gostaria de não ter dor de cabeça na hora de lidar com drivers não críticos, que não impeçam o funcionamento do sistema (como os de áudio e vídeo). Poderia haver uma maneira mais funcional de lidar com isso. 

2 horas atrás, Baboo disse:

O Editor de Política de Grupo é um caos mesmo e dou nota zero em usabilidade para ele - mesmo que ele funcione perfeitamente :)  

Não que seja uma coisa boa..., mas fiquei um pouco aliviado em saber que não sou o único que pensa assim.😅 
Mas como você mencionou, ele tende a funcionar perfeitamente; embora as definições de algumas políticas possam interferir negativamente em outras - ás vezes, invalidando-as. 

2 horas atrás, Baboo disse:

Eu não vejo confusão alguma, pois o Windows Update faz atualização automática, enquanto o Gerenciador de Dispositivos faz atualização manual. São funcionalidades diferentes para cenários diferentes. 

Sim, eles diferenciam no funcionamento, mas tudo parte do mesmo ponto, do Windows Update. O Gerenciador de Dispositivos permite um controle maior dos drivers, mas poderia ser ainda maior, talvez por meio do Editor de Política de Grupo. 

2 horas atrás, Baboo disse:

O Gerenciador de Dispositivos apenas gerencia os drivers, permitindo instalar, desinstalar, ativar ou desativá-los - mas ele não remove-os fisicamente do disco rígido. 

A desinstalação de drivers jamais deve ser feita através do Painel de Controle, pois ali estão apenas programas e aplicativos, embora isso seja relativamente comum com a NVIDIA, Realtek e outras empresas. A desinstalação de um driver via Gerenciador de Dispositivos, por outro lado, impede que o Windows Update instale automaticamente esse driver novamente. 

Já enfrentei problemas ao tentar reverter ou desinstalar um driver de vídeo (e também de touchpad) pelo Gerenciador de Dispositivos, que havia sido instalado automaticamente pelo Windows. 
Revertendo o driver: nada acontece com os arquivos que foram instalados; a respectiva versão indesejada, somente entra em desuso - impedindo uma "instalação limpa" manual de outra versão, mais adequada. Desinstalando o driver: com a "caixa de exclusão completa", marcada, ele é excluído e substituído por um padrão (genérico) do sistema - e assim é mantido. O problema é, que se logo após outra versão for instalada manualmente, o Windows poderá reinstalar novamente (automaticamente) a versão anterior que ele havia originalmente baixado - não importando se ela é mais antiga ou mais recente. Algo indesejado. 
Isso, claro, foi a experiência que tive. Posso estar enganado ou, recentemente algo pode ter mudado. 

2 horas atrás, Baboo disse:

Eu discordo radicalmente pois dessa maneira nós voltaríamos à época catastrófica do Windows XP - aonde drivers eram instalados por qualquer um e geravam sérios problemas de estabilidade. Driver não é brinquedo e eles raramente precisam de uma atenção especial - mas os usuários não sabem disso ;) 

É, seria necessária uma mudança moderada, que pudesse contornar isso.

Bem, existem problemas em todos os lugares, não apenas no Windows e na integração de drivers... Como ponderei "(...) ninguém vive constantemente reclamando por não poder utilizar seu dispositivo devido às atualizações automáticas (...)". No fim, pode ser que seja mesmo "muita discussão".👍

Editado por Jorah Little-Wall

 

 

Signature - Safe.jpg

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Crie uma conta ou entre para comentar

Você precisar ser um membro para fazer um comentário

Criar uma conta

Quer postar a sua dúvida? Cadastre-se pois é rápido e fácil!

Crie uma nova conta

Entrar

Já tem uma conta? Faça o login.

Entrar Agora

×
×
  • Criar Novo...