Ir para conteúdo
«
»

Pesquisar na Comunidade

Mostrando resultados para as tags ''ssd''.



Mais opções de pesquisa

  • Pesquisar por Tags

    Digite tags separadas por vírgulas
  • Pesquisar por Autor

Tipo de Conteúdo


Fóruns

  • BABOO PRO
    • Conteúdo sobre WINDOWS
    • Conteúdo sobre SEGURANÇA
    • Muro da Vergonha
    • Windows no MUNDO REAL
    • Comentários do YouTube
  • Windows
    • Conteúdo ESSENCIAL para dominar o Windows
    • Windows 10: TUTORIAIS, GUIAS E DICAS
    • Windows 10: INSTALAÇÃO, ATIVAÇÃO, REDE E DRIVERS
    • Windows 10: GERAL
    • Windows 10: SEGURANÇA
    • Windows 10: DESEMPENHO
    • Windows 10: JOGOS
    • Windows 8.x e Windows 7
    • Windows Server
  • Segurança
    • Conteúdo ESSENCIAL para dominar Segurança Digital
    • Dúvidas, problemas e suporte
    • Sugestões, dicas e macetes
  • Cursos do BABOO
    • Conheça os Cursos do BABOO
    • Curso Manutenção TOTAL de Windows - Aulas 40 a 51
    • Curso Manutenção AVANÇADA de Windows - Aulas 33 a 39
    • Curso Manutenção INTERMEDIÁRIA de Windows - Aulas 23 a 32
    • Curso Manutenção BÁSICA de Windows - Aulas 12 a 22
    • Curso Windows RÁPIDO e SEGURO - Aulas 01 a 11
    • Curso O que fazer APÓS instalar o Windows?
  • BABOO
    • Sugestão de tutorial
    • Problemas, dúvidas e sugestões sobre a Comunidade BABOO
    • Informações, Enquetes, Bate-papo...
    • Tópicos populares do Fórum do BABOO

Encontrar resultados em...

Encontrar resultados que...


Data de Criação

  • Início

    FIM


Data de Atualização

  • Início

    FIM


Filtrar pelo número de...

Data de Registro

  • Início

    FIM


Grupo


Estado


Idade


Sexo


Principal campo de interesse


Grau de escolaridade (curso completo ou não)


Profissão


Sugestão, crítica ou comentário:

Foram encontradas 8 postagens

  1. ✅ O artigo abaixo foi atualizado em 2019 com informações adicionais a atualizadas deste vídeo publicado em 2017: Nesse artigo eu vou abordar otimização de SSD A FUNDO e esse tema está dividido em três artigos. Nesta primeira parte do artigo eu explico três tópicos fundamentais que você PRECISA saber sobre SSD para você entender mais a fundo sobre otimização do WINDOWS no uso do SSD. Esses tópicos constroem a base do conhecimento necessário para você saber o que é mito e o que é verdade na otimização de um SSD. Na segunda parte eu abordo em detalhes as principais dicas inúteis que jornalistas e youtubers sugerem sobre otimização de SSD, detalhando também o motivo delas serem erradas. Na terceira e última parte deste artigo eu listo dez dicas que REALMENTE funcionam para você alcançar a performance máxima do seu SSD. É importante que você leia este primeiro artigo para evitar que você tenha dúvidas na segunda e terceira parte dele. O que é SSD? SSD é o Disco de Estado Sólido (Solid State Drive), que a grosso modo é um "disco rígido feito de pentes de memória". Ao contrário da memória RAM, ele não perde os dados quando você desliga o computador, da mesma maneira que um pendrive ou um cartão de memória de smartphones e câmeras digitais. O SSD é um "pendrive gigante" que substitui com vantagens o disco rígido tradicional, pois ao contrário do disco rígido, o SSD não tem peças móveis, não faz barulho, ele não esquenta tanto quanto o disco rígido no uso do dia-a-dia, e ele consome muito pouca energia. E a MAIOR vantagem dele é obviamente a velocidade. Enquanto um disco rígido precisa de cerca de 10 milésimos de segundo para encontrar um arquivo, um SSD é em média 100 vezes mais rápido - e na hora de salvar o arquivo, o SSD é entre 4 e 10 vezes mais rápido do que um disco rígido. Além disso, o SSD raramente sofre algum dano se ele cair no chão (pois ele não tem peças móveis) e não sofre influência de objetos magnéticos como um disco rígido comum. Por esses motivos ele também tem vantagem ao ser utilizado como drive externo para backup. A única desvantagem do SSD é que ele é mais caro do que um disco rígido tradicional. Posso desfragmentar um SSD como se fosse um disco rígido? Ao contrário do que muitos alegam, a resposta é SIM. Quando os programas de desfragmentação detectam um SSD, eles não desfragmentam os arquivos dali: eles otimizam o espaço livre, que na prática ajuda o TRIM, um comando utilizado pelo SSD para definir quais blocos podem ser utilizados e quais não podem ser utilizados. Se você quiser desfragmentar um SSD como você faz com um disco rígido, você PODE fazer isso sem problema algum, embora nem sempre isso seja útil. Isso não vai danificar o SSD e a diminuição da vida útil dele é IRRISÓRIA, como eu mostrarei a seguir. Embora a tecnologia do SSD torne a sua desfragmentação tecnicamente desnecessária, existe uma situação aonde a desfragmentação do SSD é justificável. Caso do Fórum do BABOO O caso do meu fórum foi bastante representativo. Há alguns anos eu migrei o servidor do Fórum do BABOO para um hardware muito potente que tinha 1TB de SSD em RAID 10 e 96 GB de memória RAM, e o fórum "voava baixo". Tudo era ridiculamente rápido: tarefas internas eram realizadas instantaneamente e eu podia copiar pastas e arquivos entre partições a 900 MB/s. Estranhamente o fórum começou a ficar mais lento algumas semanas depois: o carregamento das páginas ficou mais lento, a cópia de arquivo idem, e eu não entendi o porquê. Então eu executei o PerfectDisk Server, que é o programa de otimização de disco que eu uso nos servidores do BABOO. Ele analisou o que estava acontecendo e encontrou 480 MIL fragmentos de arquivos. Como eu sabia que o servidor tinha apenas SSD, eu decidi utilizar a opção de OTIMIZAR o disco que é a opção default para SSD. Após a finalização da otimização, nada mudou: a performance continuava ruim. Então eu resolvi fazer um teste: eu fiz um backup completo da partição e configurei o PerfectDisk para desfragmentar o SSD como se fosse um disco rígido. O PerfectDisk informou que isso não era recomendável, mas eu prossegui e a desfragmentação foi iniciada. Cerca de uma hora depois, todos os 600 GB de arquivos estavam totalmente desfragmentados - e para minha surpresa, o fórum estava muito rápido, bem como todas as tarefas internas, e a performance dele era a mesma de quando o servidor foi inicialmente configurado. Daí eu me perguntei: então é conversa-fiada que eu não posso desfragmentar um SSD como um disco rígido comum Para analisar essa questão de mais a fundo, eu contatei a Raxco, empresa que criou o PerfectDisk, e eles me colocaram em contato com Greg Hayes, o principal especialista de otimização e sistemas de arquivos da Raxco que entre 2003 e 2007 ele foi Microsoft MVP da área de File System. Greg me explicou que teoricamente a fragmentação do SSD não afeta a performance do computador, mas se o nível de fragmentação for altíssimo a controladora do SSD não consegue realizar as tarefas em tempo hábil e a própria controladora se torna um grande gargalo. Embora o SSD acesse os dados em pentelhésimos de segundos (e por isso você não precisa desfragmentar), uma fragmentação altíssima penaliza a controladora - e o SSD ficará lento independentemente do poder de processamento da CPU, GPU ou da quantidade de memória RAM instalada. Então fica a dica: se o seu SSD estiver extremamente fragmentado e a otimização do SSD não deixou ele mais rápido, você PODE desfragmentar o SSD como se fosse um disco rígido comum. Ele vai ficar mais rápido, embora vá diminuir minimamente a vida útil dele, algo que eu vou abordar em seguida. Então faça isso e você verá a diferença. Qual é a vida útil de um SSD? Da mesma maneira que um disco rígido (HD), um SSD não vai durar para sempre - mas a imensa maioria das pessoas acha que o SSD vai pifar na semana que vem, no mês que vem ou no ano que vem se você ficar utilizando-o muito. Isso está completamente errado! Os fabricantes de SSD informam o TBW (Total Bytes Written), que é o total de bytes escritos. Na prática esse valor é o total de terabytes de dados que serão escritos nesse drive antes dele perder a garantia - sendo que isso não significa que o drive vai pifar logo em seguida, somente que a garantia dele vai acabar. Exemplo: de acordo com o site oficial da Kingston, o SSD Kingston A400 de 240 GB tem garantia de 3 anos e um TBW de 80 TB: Isso indica de depois de você salvar 80 TB de dados nesse SSD, ele perderá a garantia. Para você saber quanto que é isto por dia, basta aplicar uma fórmula simples: multiplicar o TBW por mil e dividir por 365 vezes o número de anos da garantia: No caso do Kingston A400 que tem 3 anos de garantia e TBW de 80 TB: Então esse drive suporta 73 GB de dados salvos por dia nele ininterruptamente durante 3 anos até que a garantia dele acabe. Segundo exemplo: o site oficial da Samsung informa que o Samsung EVO 860 de 500 GB tem TBW de 300 TB e 5 anos de garantia de acordo com o site da Samsung: Então esse drive suporta 164,4 GB de dados salvos por dia nele ininterruptamente durante 5 anos até que a garantia dele acabe. Traduzindo isso de uma maneira simples: se o Defraggler informar que seu SSD de 500GB tem 40GB de arquivos fragmentados e você desfragmentar esse drive todos os dias durante 5 anos seguidos, ao fazer isso ele atingirá apenas 25% da vida útil dele! É por isso que você não precisa se preocupar com a diminuição da vida útil do seu SSD se você desfragmentá-lo como se fosse um disco rígido comum sempre que isso for necessário. Para você saber quantos TB o seu SSD já escreveu e qual é a data de vencimento da garantia baseado no TBW, você pode utilizar a versão portátil do SSDLife que não precisa de instalação. E é importante que você saiba que a data informada não indica que o seu SSD pifará em seguida: ele indica apenas o final da garantia dele, sendo que ele vai pifar muito depois disso. Em 2013 o site The Tech Report fez um teste MUITO interessante. Eles testaram seis SSD, sendo um da Corsair, um da Intel, dois da Kingston, e dois da Samsung, fazendo-os escrever dados ininterruptamente até que eles pifassem. Esse teste durou quase 19 meses para ser finalizado, que foi o tempo necessário até que o último SSD pifar, indicando que esse SSD precisou mais de 13 mil horas de escrita contínua antes dele pifar. Qual foi o resultado desse teste? Eu criei a tabela abaixo baseada nos resultados do teste da The Tech Report para você compreender melhor o que acontece. Como você pode ver, o Kingston HyperX 3K foi o primeiro a pifar: o TBW dele é de 153 TB, mas ele durou cinco vezes mais do que o tempo de garantia estabelecido pela própria Kingston. O curioso é que esse mesmo drive durou 15 vezes mais quando a compressão de dados nativa da controladora estava ativada. O Corsair Neutron tem um TBW de 75 TB, mas ele pifou depois de escrever um petabyte e meio (1,5 PB) que são 1.500 TB, ou seja, ele durou 20 vezes mais do que o tempo de garantia estabelecido pela própria Corsair. E o campeão do teste foi o Samsung EVO 840 Pro que durou 33 vezes mais do que o tempo de garantia estabelecida pela própria Samsung: o TBW dele é de 75 TB, mas ele pifou somente depois de escrever inacreditáveis dois e meio petabytes (2,5 PB) ou 2.500 terabytes (TB). E detalhe importante: esses SSD são de 6 anos atrás, sendo que os novos são ainda mais robustos, pois a tecnologia do SSD continua evoluindo. Só como comparação: um dos SSD mais avançado do mercado, o Samsung 860 PRO, tem um TBW de 4.800 TB. Isso indica que se ele salvar 40 GB de dados por dia (algo absurdamente alto para um usuário comum), ele vai durar 120 mil dias ou 328 anos baseado nesse TWB 🙂 A conclusão disso é que embora o SSD tenha um tempo de vida útil, ele é absurdamente alto e você não precisa ficar mendigando o número de bytes escritos no SSD, ou pior: desabilitar funcionalidades do Windows por causa disso. SSD precisa de backup? SIM, você precisa fazer pois eu tenho visto muita gente que migrou de disco rígido para SSD e acha que não precisa fazer mais backup porque o SSD é novo, a tecnologia é nova, e ele nunca vai pifar. Isso é um ERRO! O Facebook foi uma das primeiras empresas a utilizar maciçamente o SSD nos seus data centers e em 2015 a empresa disponibilizou um relatório sobre as falhas desse tipo de drive. Embora o SSD deles seja diferente do modelo para consumidores que é o que tem no seu computador e no meu, é interessante saber que eles descobriram que o SSD é extremamente sensível a temperatura: quanto mais quente, mais ele pifa. Além disso, quanto mais dados forem escritos, mais energia ele consome e mais problemas aparecem. Em 2016 o Google também publicou um relatório com os resultados do uso de SSD em seus data centers e revelou dois fatos interessantes: eles notaram que SSD pifa muito mais do que disco rígido, além de gerar mais erros, embora o usuário não perceba pois o SSD faz a autocorreção desses erros. Então a conclusão óbvia é que você NÃO DEVE deixar de fazer backup pelo simples fato de você estar utilizando um SSD. Confira agora o segundo artigo com as principais dicas inúteis que jornalistas e youtubers sugerem sobre otimização de SSD, detalhando também o motivo delas serem erradas.
  2. Olá, Existe algum tipo de dissipador de calor de ssd para usar em NOTEBOOK? pode até parecer estranho essa pergunta, seio que não exista e que nem haja necessidade. Porém, meu tio me fez essa pergunta e insiste que ssd nvme esquentam muito e perdem a velocidade! Baboo, você pode me falar se existe isso, se vale a pena, ou se faz sentido??? Desde já muito obrigado!
  3. Zanini18

    SATAFIRM S11

    Olá Baboo eu gostaria de sugerir um artigo ou um vídeo sobre o problema presente nos Ssd's da Kingston da série A400 conhecido como SATAFIRM S11 que depois de mais ou menos 1 ano o ssd para de funcionar e perde-se todos os arquivos. Considero esse assunto pouco falado nos principais fóruns e gostaria de saber sua opinião e se é realmente verdade. Obrigado!
  4. Olá. Duas questões rápidas: Recentemente adquiri um SSD, após a formatação e instalação do Windows 10, a partição "Reservado pelo sistema" ficou visível. Sei da importância da partição e meu intuito não é a remoção e sim a ocultação para não ser visível. Existe uma maneira de ocultar sem ser pelo Gerenciador de dispositivo, retirando a letra da unidade? Se o fizer, a partição não vai mais ser funcional, correto? O tamanho dessa partição pode variar? No meu caso esta a 500 mb, mas dizem que por "padrão" (se isso existir) seria de 100 mb. Obrigado.
  5. Olá, Tive um pequeno problema com relação aos hardwares. Sou leigo em muitos tópicos, então vou tentar ser o mais direto e simplista possível. Comprei um SSD Kingston A1000, 240GB, M.2 NVMe, Leitura 1500MB/s, Gravação 800MB/s - SA1000M8/240G. (Especificações no final do tópico). Infelizmente não percebi que minha placa-mãe modelo GA-H110M-H, que não possui conexão direta para entrada deste modelo de SSD. Gostaria de saber se há algum adaptador que possa ser compatível com este modelo de SSD e minha placa-mãe, pois procurei por tudo, sites estrangeiros e nacionais, procurei em guias e pelo que notei, esse modelo A1000 tem dois espaços, denominados Chaves B e M, e a maioria dos adaptadores que encontrei são com apenas um lado da chave. (Especificações abaixo). Especificações placa-mãe: Slots de Expansão 1 x PCI Express x16 slot, running at x16 (The PCI Express x16 slot conform to PCI Express 3.0 standard.) 2 x PCI Express x1 slots (All of the PCI Express x1 slots conform to PCI Express 2.0 standard.) Interface de Armazenamento Chipset: 4 x SATA 6Gb/s connectors Especificações SSD: - Formato M.2 2280 - Interface PCIe NVMe Ger 3.0 x 2 pistas - Capacidades: 240GB - Controlador Phison E8 - NAND 3D TLC - Leitura/gravação sequencial: até 1.500/800MB/s - Leitura/Gravação aleatória 4K: até 100.000/80.000 IOPS - Consumo de Energia 0.011748W inativo / 0.075623W med / 0,458W (MAX) leitura / 0,908W (MAX) gravação - Dimensões 80 mm x 22 mm x 3,5 mm - Temperatura de Operação 0°C a 70°C - Temperaturas de armazenamento -40°C a 85°C - Vibração quando em operação 2,17G pico (7 – 800 Hz) - Vibração quando não está em operação 20G pico (10 – 2000 Hz) - Expectativa de vida 1 milhão de horas MTBF - Total de bytes gravados (TBW): 150TB
  6. Boa noite, há alguma maneira de passar o Windows direto para o HD, parecido com o tutorial do Baboo, para passar direto para o pendrive (https://www.baboopro.com.br/como-instalar-Windows-pelo-pendrive/) ?
  7. LMNASSER

    Perda De Dados

    Bom dia a todos, estou com o seguinte problema, hoje me deparei com a seguinte situação: o computador do cliente apresentava erro de boot: NO BOOT DEVICE AVALIABLE. Logo trazer o computador do cliente removi o ssd e pluguei na minha máquina e o ssd não é reconhecido, nemna bios e eu precisaria muito fazer o backup desse ssd pois nele contem os dados do outlook que não tinham backup e da empresa do cliente. no gerenciador de disco, DISKPART, e nem na bios o ssd é reconhecido. Quais as sugestões de vcs para a solução desse problema.
  8. Poderiam me indiciar uma boa aplicação capaz de realizar a migração do Windows instalado em um HD, para um SDD? e quais são as medidas a serem tomadas antes de realizar uma migração (desfragmentação é uma delas)? Pois na minha empresa, estão instalando SSD em todas máquinas, porém os técnicos estão reinstalando o sistema operacional, enquanto outros estão usando algumas aplicações que ao final do uso delas, o sistema fica completamente lento e instável, e ai os técnicos realizam a instalação do sistema do zero.
×
×
  • Criar Novo...