Ir para conteúdo
«
»

RogueX957

Participante
  • Postagens

    66
  • Desde

  • Última visita

Reputação

0 Neutro

Informações pessoais do participante

  • Estado
    São Paulo (SP)
  • Idade
    Menor de 18 anos
  • Sexo
    Masculino
  • Principal campo de interesse
    Windows
  • Sistemas operacionais que utiliza no desktop (múltipla escolha)
    Windows 7
    Windows 10
    Windows Server
    Linux
  • Interesse na Comunidade BABOO (múltipla escolha)
    Solucionar minhas dúvidas e problemas
    Ajudar a solucionar dúvidas e problemas de outros
    Ser ajudado pelo próprio Baboo
    Aprender lendo os problemas e soluções postadas
    Remover vírus/malware
  • Profissão
    VOU trabalhar na área de TI
  • Sugestão, crítica ou comentário:
    Apenas um comentário: gostei muito dos seus vídeos no youtube. Mesmo que eu queira tirar algumas dúvidas em sua comunidade, ainda espero melhorar meu conhecimento cada vez mais.

Últimos Visitantes

112 visualizações
  1. O mas engraçado, são as permissões que os aplicativos de banco pedem, tipo o microfone (Wtf, pra que um serviço de banco quer acessar o microfone do meu celular??) Fora a esses aplicativos de "segurança", que os sites de bancos pedem para nós instalarmos no Windows, para poder efetuar o acesso à conta. Eu não me lembro onde, mas, pelo o que eu me lembre, o Baboo já respondeu uma dúvida sobre isso, sobre "O que esses aplicativos e programas de banco podem fazer com o computador".
  2. Abre o executar (Tecla Windows+R) e digita: tpm.msc
  3. Pois é. Eu realmente, não consigo ver uma licença que possa ser usada em 10 máquinas, sendo mais barata do que a de uma máquina (A menos, que eu modifique o html. hehe).
  4. Eu ainda não entendi, como que eles ainda conseguem achar, que se a licença ter a permissão de ser usada em mais de um computador, ela vai ser mais barata. Eu queria entender a lógica nisso mano.
  5. Hmm... interessante. Acho que vou dar uma olhada também.
  6. Editando a mensagem novamente, porque eu sou um idiota: Você pode conseguir fazer essa gambiarra, de iniciar o CMD na tela de bloqueio do Windows 7, modificando os arquivos do Windows, a partir de um SO em modo live (Rodando em um DVD/PenDrive). Não quero ensinar isso aqui, pois, no forum do Baboo, há algumas limitações, e, não tenho certeza se posso ensinar isso aqui.
  7. Pelo o que eu saiba, o uso do bitlocker pode ajudar. Eu não estudei ele a fundo, mas, já que ele é um sistema de criptografia do Windows, pode ser, que ele proteja o HD contra este tipo de vulnerabilidade. Lembrando esta questão acima, eu ainda não tenho certeza. Vou ver se consigo arrumar alguém, que tenha o Windows 10, para tentar acessar e modificar os arquivos a partir do Linux.
  8. Sim, com certeza. Mesmo que o Chrome tenha várias vulnerabilidades, o uso de um AV já um bom suporte para ele, ainda mais, se houver uma extensão do AV para o Chrome.
  9. Enfim, foi o que o Baboo disse: Enquanto eu vejo o Windows como uma solução, eu vejo o Linux como um SO." E eu concordo totalmente com ele.
  10. Olha, mesmo que eu goste muito do Linux, não haverá diferença alguma. O linux em questão de consumo de memória RAM, trabalha com quase o mesmo consumo do Windows 7. O Fedora 30, por exemplo, quando usamos ele em modo Live (Funcionando a partir do PenDrive/DVD), ele já vem ocupando 800MB da memória RAM. Fora que, devido as animações que vem junto com o Fedora, acaba deixando o sistema um pouco mais travado. O linux não é feito para um usuário comum (A menos, que você faça ele para um usuário comum). O Wine não é algo tão bom assim. Já fiz testes para rodar programas do Windows, que não estavam na lista de "Programas estáveis funcionando no Wine". O Counter Strike 1.6, por exemplo, não consegue rodar de forma lisa, sem quedas bruscas de FPS. Já o Windows, consegue executar as ações tranquilamente, mantendo o mesmo estado. E nem tudo pode ser rodado no Linux com o Wine, de forma alguma. Eu já havia tentando usar o Launcher do fortnite, através do Wine. O launcher simplesmente, não aceitou a execução da instalação.
  11. Isso me deu até uma ideia de um tópico.
  12. Voltei @Adrian Dérick. Bom, a partir do modo live, eu não só consegui ter acesso aos arquivos de usuário, como também, descobri umas coisas a mais.Aparentemente, eu não só consegui ter acesso aos arquivos, como também, eu consegui remover o Internet Explorer 8. O que me preocupa, é que o Windows Defender estava na mesma pasta, e provavelmente, eu poderia apagar a pasta, do mesmo jeito que apaguei a do Internet Explorer. Fora que, ele me mostrou arquivos, que não há visibilidade a partir do Windows. Nessa questão, pode ser que o uso do bitlocker, seja necessário.
  13. Eu também não entendi o porquê disso ter acontecido. Eu estava com o olho fixado no monitor o tempo inteiro. E o mais engraçado, não é isso. Teve um outro cara lá também, que teve o computador reiniciado sem aviso nenhum.
  14. Na verdade, esqueci de falar uma coisa: eu apenas não conseguia apagar os programas que estivessem nas pastas protegidas pelo sistema, como: Program Files (x64/x86), Windows, etc. Vou aproveitar aqui, que resolvi fazer um pendrive bootável com o Fedora 30, e ver se consigo fazer algum acesso no Windows 7, a partir dele.
  15. Pois é. Bom... na época que eu tinha um notebook da positivo com Windows 10, eu não sabia mexer em quase nada (no caso, na área técnica). Minha mãe sempre se irritava com essa notificação também. Hoje, eu fico um pouco mais preocupado com isso. Eu estava na Microcamp, fazendo um projeto de rede no Cisco Packet Tracer. Quando eu já estava quase acabando o projeto, o Windows simplesmente, reiniciou, sem aviso algum. Quando ele termina de reiniciar, vejo que ele está atualizando. Admito que fiquei um pouco bravo com isso, mesmo que o professor tenha deixado fazer a prova no outro dia. Se realmente, continuar assim, vamos ter que desativar as atualizações automáticas, e só atualizarmos quando pudermos.
×
×
  • Criar Novo...